sexta-feira, 12 de julho de 2013

ME CHAME


 
Me chame...
Henrique Eboli


Apenas me chame,
não importa por qual nome,
me chame...
Me chame agora, hoje, de madrugada,
quando seu coração estiver sentindo o frio do vazio,
me chame.

Me chame para ser seu par nessa dança,
me chame para escutar seu canto,
me chame para ver as estrelas,
para sentir o calor de seu corpo....
me chame.

Me chame quando seus olhos molharem seu rosto,
quando seus ombros estiverem pesados,
quando sua mente se sentir cansada,
quando o sol da manhã não iluminar seus sonhos....
me chame.

Me chame quando seu sorriso tomar conta de sua alma,
me chame para partilhar um beijo,
me chame para dar-me suas mãos e segurar as minhas,
me chame.

Me chame a qualquer hora e, de preferência,
me chame sussurrando em meu ouvido,
me chamando de querida, de amada
e querendo que eu esteja sempre
com um largo sorriso ao seu lado.
 

Nenhum comentário: